ACORDO DE GEMELAGEM ENTRE AS CIDADES DE PEMBA E DE REGGIO EMÍLIA NA ITÁLIA

Teve lugar na tarde do dia 7 de Maio de 2001, a cerimónia de assinatura do Acordo de Gemelagem entre as cidades de Pemba e de Reggio Emília na Itália.

O acto foi firmado na histórica Sala Tricolor do Município daquela cidade, entre o Presidente do Município de Pemba, Tagir Assimo Carimo e o Sindaco de Reggio Emília Graziano DelRio, no decurso da sessão Ordinária da Assembleia do Conselho Comunal.

O Acordo preconiza o reforço das relações de amizade e cooperação entre as duas cidades, através da realização de acções de âmbito económico, social, cultural, técnico científico, com particular realce para o campo da formação infantil e básica. Este instrumento prevê igualmente o desenvolvimento de actividades que promovem o conhecimento mútuo entre os municípes de Pemba e de Regio Emília, particularmente entre os jovens , as associações da sociedade civil, sector privadoe as instituições locais.

No âmbito deste relacionamento, a cidade de Pemba irá beneficiar de um projecto de cooperacao triangular no âmbito da educação, financiado pela União Europeia, envolvendo as cidades de Reggio Emília e de Belo Orizonte no Brasil. O projecto vai decorrer entre o periodo 2011-2015 e abrangir a educação das crianças dos 3 aos 14 anos, com o propósito de reforçar a relação entre a escola e a comunidade, melhorar os currículos escolares com experiência locas e promover a capacitação de professores.

Para marcar a assinatura do Acordo de gemelagem entre as duas cidades , foi inaugurada no centro da cidade de Reggio Emília a Avenida “Cidade de Pemba”, num acto que contou com a participação de entidades locais , incluindo os Presidentes dos Municípios das duas cidades e a Embaixadora de Moçambique na Itália. Na ocasião, os presentes prestaram igualmente homenagem a figura de Giuseppe Soncine, no Monumento erguido em sua memória, no Parque da Paz, construído com duas peças de Marmóre provenientes da cidade de Montepuez.

A relação entre a cidade de Pemba e de Reggio Emília data do período anterior a Independência Nacional da República de Moçambique. Foi a partir desta cidade que iniciou o movimento de solidariedade italiana, liderado pelo então Assessor Comunal Giuseppe Soncini, a favor da luta de libertação nacional, no inicio dos anos 70. Em 1980 e 1984 respectivamente, partiram para Pemba , dois barcos de solidariedade, contendo víveres e vários bens a favor das populações carenciadas da cidade de Pemba. O apogeu deste relacionamento foi marcado pela histórica visita do malogrado Presidente Samora Machel a Reggio Emília, em 1981.A cooperação entre Pemba e Reggio Emília passou, deste então, de movimento de solidariedade, para a fase de reconstrução e hoje, caracteriza-se por acções de cooperação consubstanciadas em projectos nas áreas da saúde, educação , agúa e saneamento, envolvendo diversos actores sociais, com vista a redução da pobreza e a promoção do desenvolvimento sustentável.

 

 

 

 

 

 

This entry was posted in Pemba, Reggio Emilia. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *